Patacala

Minha foto
O estudo como um todo me transformou num ser mais cult..., o quartel deu-me algum caráter, algo de austeridade, e bastante disciplina...A vida me transforma, ainda hoje, num ser mais responsável e feliz... Tenho que pôr para fora a historiografia do espaço que me cerca...por mim, por todos que me cercam, pelos alunos e pelos meus amados descendentes... Quem sou eu, afinal? Sou auditor, mestre, pesquisador, flamenguista e carioca....um tanto quanto crazy....mas impondo pitadas de juízo e seriedade, e retirando um outro tanto de rock´n roll, atesta-se experimentalmente, probabilisticamente e aprioristicamente que eu sou normal...
Reencontrar e lidar com um mundo de transliteração cerebral....passar e absorver opiniões...dialogar e transformar o abastrato em concreto...idéias...conhecimento...admiração...deve bastar até o fim dos meus dias...

Viajar é preciso....













--------------------------------------------------------------















domingo, 24 de abril de 2011

To you my family - Feliz Páscoa

You don't realize how much
I need you.
Love you all the time,
Never leave you.

Please come on back to me.
I'm lonely as can be.
I need you.

Said you had a thing or two
To tell me.
How was I to know you would
Upset me.

I didn't realize
As I looked in your eyes.
You told me.

Oh, yes, you told me
You don't want my lovin' anymore.
That's when it hurt me
And feeling like this,
I just can't go on anymore.

Please remember how I feel
About you.
I could never really live
Without you.

So, come on back and see
Just what you mean to me.
I need you.

But when you told me
You don't want my lovin' anymore.
That's when it hurt me
And feeling like this,
I just can't go on anymore.

Please remember how I feel
About you.
I could never really live
Without you.

Família

Família gostosa

Bagunça charmosa

Vida hermosa

Carinho de tão gostoso estar

Obrigado, força maior, por estar aqui num domingo preguiça

Do tipo que se faz gostoso estar em família 


Páscoa no Sentido Literal

Os eventos da Páscoa teriam ocorrido durante o Pessach, data em que os judeus comemoram a libertação e fuga de seu povo escravizado no Egito.
A palavra Páscoa advém, exatamente do nome em hebraico da festa judaica à qual a Páscoa cristã está intimamente ligada, não só pelo sentido simbólico de “passagem”, comum às celebrações pagãs (passagem do inverno para a primavera) e judaicas (da escravatura no Egito para a liberdade na Terra prometida), mas também pela posição da Páscoa no calendário, segundo os cálculos que se indicam a seguir.
No português, como em muitas outras línguas, a palavra Páscoa origina-se do hebraico Pessach. Os espanhóis chamam a festa de Pascua, os italianos de Pasqua e os franceses de Pâques.
Os termos "Easter" (Ishtar) e "Ostern" (em inglês e alemão, respectivamente) parecem não ter qualquer relação etimológica com o Pessach (Páscoa). As hipóteses mais aceitas relacionam os termos com Estremonat, nome de um antigo mês germânico, ou de Eostre, uma deusa germânica relacionada com a primavera que era homenageada todos os anos, no mês de Eostremonat, de acordo com o Venerável Beda, historiador inglês do século VII. Porém, é importante mencionar que Ishtar é cognata de Inanna e Astarte (Mitologia Suméria e Mitologia Fenícia), ambas ligadas a fertilidade, das quais provavelmente o mito de "Ostern", e consequentemente a Páscoa (direta e indiretamente), tiveram notórias influências.

Cidadão Quem

Apenas a música, bela, só isso, nada demais...

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Auditoria de Gestão - Revista da UFRGS

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO E AUDITORIA DE GESTÃO: SIMILARIDADES COM O MODELO COSO

Jeisom de Melo Fajardo, Carlos Alexandre Nascimento Wanderley

Resumo


A nova metodologia de Tomada de Contas implementada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) originou, no ambiente de controle da Gestão Pública, a necessidade da avaliação ampla do desempenho das instituições, tarefa até certo ponto inédita em relação aos trabalhos de campo numa auditoria. Para isso, é muito importante, dentro do contexto da auditoria de avaliação gestão (AVG), o acesso irrestrito ao âmago da instituição a que se pretende auditar. De outra forma, o COSO – The Committee of Sponsoring Organizations – (Comite das organizações patrocinadoras) é uma organização privada, sem fins lucrativos, dedicada à melhoria dos relatórios financeiros e prevenção de fraudes nas demonstrações contábeis através da ética, efetividade dos controles internos e governança corporativa. Em decorrência da globalização e da padronização internacional das técnicas de auditoria, as recomendações do COSO, relativas ao controles internos, bem como seu cumprimento e observância, são amplamente praticadas e tidas como modelo e referência no Brasil, assim como na maioria dos países do mundo. Sendo assim, o presente estudo busca inicialmente, através de uma pesquisa bibliográfica e documental, identificar as similaridades entre os modelos de controle interno (COSO) e os trabalhos relacionados com a nova metodologia de auditoria de avaliação da gestão. Após todos os exames, conclui-se que a questão indicada foi amplamente respondida, pois existe similaridade entre os modelos COSO e os trabalhos relacionados com a AVG, especificamente no tocante à categoria desempenho e eficiências das operações. Referente a tais pontos, os trabalhos numa AVG se adéquam em relação ao modelo COSO.

Notas Estendidas com Sustenido

Uma das coisas que mais me fascina na música
É que notas estendidas
Dobradas e com algo de sustenido
Alcançam um ponto no cérebro da gente
Que nos deixa fascinados
A ponto de se envolver emocionalmente
E psiquicamente com o som
Experimentar If I Fell ou And I Love Her, dos Beatles
È descobrir o que os "caras" descobriram
A aproximadamente 50 anos atrás
Demasiadamente pitoresco!

Blog com E books divertidos e o melhor...de graça! Dá uma olhada...

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Esperança

Aos 12 anjos de Deus." Deixai vir a mim as criancinhas pois das tais é o reino de Deus. Que Deus console sempre as Famílias

Mãe - Sociedade Alternativa Nova Aeon (SANA) - tudo de bão!


domingo, 10 de abril de 2011

Ode à Minha Princesa Ray Ray

Rayane fez 9 anos, meu Pai, que isso....assustador como o tempo passa... parece que foi ontem que ue vi nascer aquela bonequinha com carinha de Jeisom e que me faz feliz, muito e cada dia mais...

A impressão que eu tenho é que encerrou-se um ciclo de vida e minha bebê daqui a pouquinho vai aparecer com seus amigos e amigas aqui em casa, dizendo que eu sou um velho ultrapassado e tirânico que rouba seus momentos fantásticos de um adolescer marcante e único...

Nada disso, amore mio, serei apenas seu amigo...

E quando precisares de alguém que lhe compreenda conte comigo sempre, pois meu amor ultrapassa ciclos e fases, meu amor por você, minha eterna princesa, é incondicional...


domingo, 3 de abril de 2011

Tempos de Paz

Mais um filme da séria série assista cinema nacional


Nem imaginava que a antropofagia da arte visual, lírica e teatral havia sido reforçada por judeus abrasileirados na taciturna década de 40....Ziembinsck, Berta Loran, Otto Maria Carpeaux...gênios que teriam sido mortos por Hitler se não fosse o sonho do país tropical



Do you like audit and internal control? Take this...

The Committee of Sponsoring Organizations of the Treadway Commission (COSO) – an organization providing thought leadership and guidance on internal controls, enterprise risk management (ERM), and fraud deterrence – is releasing two additional new thought papers relating to ERM aimed at providing guidance to help organizations advance along the ERM maturity curve.

sábado, 2 de abril de 2011

Meu amigo Dirlan

Faleceu com meu amigo Capitão da Marinha Dirlan Canal Perdigão

Um pouco da alegria juvenil de nossos dias no internato

Algo pueril e ao mesmo tempo amadurecido na porrada

No dissabor das distâncias

Com a lembrança das alvoradas sentidas

No gelo da água fria de Angra do Reis

Nas noites de prisão à luz do Pão de Açúcar em Villegagnon

Adeus irmão de armas

Que os espíritos de luz te guiem

E que a violência de seu assassinato seja apenas lembrado como exemplo do país em que vivemos...

BRAVO ZULU!

O Divino Poeta Cartola por toda minha vida Parte 01


Não sou de me envaidecer por gostar de poesia


Mas se tratando de poesia e música ele foi o maior