Patacala

Minha foto
O estudo como um todo me transformou num ser mais cult..., o quartel deu-me algum caráter, algo de austeridade, e bastante disciplina...A vida me transforma, ainda hoje, num ser mais responsável e feliz... Tenho que pôr para fora a historiografia do espaço que me cerca...por mim, por todos que me cercam, pelos alunos e pelos meus amados descendentes... Quem sou eu, afinal? Sou auditor, mestre, pesquisador, flamenguista e carioca....um tanto quanto crazy....mas impondo pitadas de juízo e seriedade, e retirando um outro tanto de rock´n roll, atesta-se experimentalmente, probabilisticamente e aprioristicamente que eu sou normal...
Reencontrar e lidar com um mundo de transliteração cerebral....passar e absorver opiniões...dialogar e transformar o abastrato em concreto...idéias...conhecimento...admiração...deve bastar até o fim dos meus dias...

Viajar é preciso....













--------------------------------------------------------------















quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Auditoria Interna

A auditoria interna contemporânea pratica atividades semelhantes em quaisquer áreas onde atua, independente do escopo, ou seja, as ações seguem o mesmo roteiro metodológico seja na área financeira, orçamentárias, patrimonial.....na China, EUA, Noruega ou Brasil.

Historicamente, os primeiros auditores foram os cavaleiros templários, que atravessavam grandes distâncias carregando riquezas de seus senhores feudais....alguns deles tinham que servir como banco e outros como auditores, conferindo e fiscalizando de modo itinerantes seus pares na Idade Média. Certificavam que os dinheiro e as riquezas eram adequados às travessias.

Quando se contrata um auditor, o que se procura é a segurança que ele promove.

Segundo o COSO, a auditoria deve trabalhar dentro da avaliação e melhoria dos processos, da gestão de riscos institucionais, dos sistemas de controle e dos aspectos de governança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não pare para pensar, o tempo é precioso! Comente!